Vestido Hipnotizante Publicado por anônimo em 14/08/2018 em Bissexual

"um vestido longo, que realçava ainda mais suas belas curvas"

Conto adicionado a favoritos
Autor adicionado a favoritos
Conto já adicionado a favoritos
Autor já adicionado a favoritos
Conto salvo para leitura posterior
O conto já estava em sua lista para leitura posterior

Acordei como de costume me arrumei para meus compromissos, e sai. Ao chegar no segundo que é tratamento costumeiro dou de cara com a responsável em um vestido longo, que realçava ainda mais suas belas curvas, neste dia em especial parecia que ela avia acordado mais radiante, mais feliz, estava perfeita e tentadora, para todos que tem tesão em vestidos. Entrei para começarmos, e não conseguia me concentrar em suas perguntas, pois tudo que eu conseguia pensar, é como seria ela sem aquele vestido. A cada mexida de perna o tesão aumentava, minha vontade era de avançar nela. Ao notar que eu não prestava atenção ao seu questionamento me perguntou se eu estava bem? Respondi que não, que alguns pensamentos me atormentavam, e neste mesmo momento ela mexe a perna e nota que o vestido possui um corte ao longo de seu comprimento, o que me deixa com mais tesão.

Com um pequeno esforço respondo as perguntas, mas não deixo de pensar como seria, erguer aquele maravilhoso vestido aos poucos, acariciando sua possuidora milimetricamente sem pressa, para aproveitar cada centímetro do seu corpo e sentir e ouvir cada suspiro que com aquela voz deve ser delicioso. Eu iria acariciá-la começando pelas pernas, iria ir subindo e quando chegasse me seu quadril, eu começaria a beijá-la e desceria pacientemente aproveitando tudo, curtindo seus suspiros. Ao chegar ao quadril de novo, eu colocaria sua calcinha de lado e me deliciaria com seu sabor, nas espera que neste momento estive ensopada, e implorando para mim continuar. Eu a chuparia com toda minha vontade, para lhe mostrar o quando era desejada e gostosa. A faria gozar quantas vezes quisesse só para acalmar esses pensamentos que consumiam desde o momento que a vi e senti todo o meu corpo em chamas, como se eu não tivesse mais o controle do meu ser. A cada pensamento delicioso que tinha ela fazia um movimento mais gostoso, é como se pudesse ler a minha mente e estivesse acomodando-se aos meus pensamentos ou sentia meu desejo e estava inquieta. Ao despedimos senti um choque por todo meu corpo, ela me olhou rapidamente e pude ver que sentirá também.

Avaliações

Só usuários podem votar 0 de Avaliações

Comentários 0

Sobre este conto

Autor anônimo
Categoria Bissexual
Visualizações 337
Avaliação 0 ( votos )
Comentários0
Favorito de0 Membros
Contador de palavras: 402
Tempo estimado de leitura: 2 minutos

Afiliados