Para o jogo de ser um putita.me Converti em uns Publicado por www.relatoseroticos.es em 08/10/2015 em Transexuais

" Um menino que chamou sua esposa por outra mulher submissa e feminizado e entrega para um homem como prostituta "

Conto adicionado a favoritos
Autor adicionado a favoritos
Conto já adicionado a favoritos
Autor já adicionado a favoritos
Conto salvo para leitura posterior
O conto já estava em sua lista para leitura posterior
Este conto foi publicado originalmente em relatoseroticos.es pelo autor sumisa_ingrid. E foi traduzido automaticamente usando a tecnologia de traductor.es, pode conter erros de ortografia, erros gramaticais ou palavras não traduzidas do texto original.

< p > Eu vou explicar minha história e que eu terminar de ser o que sou agora. < /p > < p > Desde que me lembro Eu me lembro que sempre me atraiu para vestir roupas de menina, começ ou por se vestir com roupas do meu primo que morava conosco, mas depois foi viver em outro lugar e, em seguida, só tinha de entregar minha mãe até que meus pais fizeram muitos amigos com os vizinhos que tinham uma filha de um ano menor do que eu, chaves meus pais imtrrcambiaron se algo não foi um era capaz de entrar, e naquela época eu tinha 16 anos, em fins de semana a principal vantagem porque os vizinhos estavam indo para um apartamento que tinham, e eu vestido com as roupas do meu vizinho, de qualquer maneira eu não entendo como ele foi podem não gostar do vestido da menina e eu não gostava dos meninos, com o advento da internet em casa eu comecei a procurar informaç ões e eu percebi que havia muitas mais pessoas que sentiram o mesmo que eu estou, finalmente, e após Você já viu várias páginas ler muitas histórias começ aram a ter uma fantasia submissa de ser uma garota, e isso foi uma coisa que veio a minha unsought tinha 19 anos quando carnaval ficar com um amigo para sair festejando mas temos vestir-se, eu disse a ele que não tinha qualquer traje, ela me disse para não se preocupar venda a minha casa que eu me corrigir isso eu tenho alguns, quando você chegar em casa e eu tinha preparado uma enfermeira sexy disfarce e ainda um conjunto de lingerie de renda branca com meias e uma cinta-liga e tudo, < /p > < p > Minha primeira reaç ão foi oh não, eu não vi assim < /p > < p > & Nbsp;embaraç o mais do que qualquer coisa, mas por dentro eu estava morrendo. < /p > < p > - Homem vem de que estamos no Carnaval & nbsp; < /p > < p > - Bem ok, mas eu não coloquei calcinha < /p > < p > -e, portanto, que o coloca conjoined se não raiva. < /p > < p > Isso soou muito estranho foi a primeira vez que me chamou feminino. ≪ /p > < p > Por isso, me vestiu a maquiagem um pouco, me fez 2 tranç as e eu tinha cabelo comprido porque era pesada Eu coloquei sapatos brancos com um pouco de calcanhar de sua irmã que tinha um 38 como eu, eu tenho um pequeno pé. & Lt ; /p > < P > Depois de passar algumas horas bebendo e danç ando ao ritmo de uma orquestra, eu disse que não poderia ir com sapatos que se nós estávamos indo para sentar-se lá fora, cojimos um par de cervejas e fumado um par de eclairs, tudo isso e para dent em nosso acabamento corpo explicar a minha fantasia, é assim que ela se tornou meu companheiro e assim foi por alguns anos em que fui adicionando gradualmente coisa primeiro vibrador, mais tarde, um seios de silicone e, finalmente, um aproveitar todo este duro até que pegar minha esposa. < /p > < p > Minha esposa trabalha como chefe do departamento de vendas de uma grande empresa, por que geralmente viajam muito, foi quando eu estava com Carol meu amigo para uma de nossas sessões veio e alguns noite dormiu em cima de mim naquela época era desempregados e para alguns meses, esta semana na terç a-feira para uma feira em Amsterdã e novamente na sexta-feira, portanto, foram Carol e eu entretido ela era um conjunto de roupas interiores & nbsp, meias pretas e sapatos calcanhar e os arreios com lingerie vermelha e meus seios falsos um negligee vermelho e sapatos da mesma cor cerca de 10 centímetros saltos, e naquela época estava em uma posiç ão para mim e Carol Reed dar cão de arreios, eu ouç o de . repente < /p > < P > Oi querida, eu estou aqui nós viajamos um dia de antecedência. ≪ /p > < p > E logo depois que um grito foi quando eu nos viu. ≪ /p > < p > E a partir daí foi um show a minha mulher gritando que nem compreendidos, Carol fugiu, e eu vestida assim sentado na cama sem uma palavra, não o tempo que ele estava gritando, mas não acho que eles estavam mais de 3 minutos, mas eu senti como horas, minha esposa quando eu apenas agarrou a porta e saiu & nbsp; ele não retornou até o dia seguinte, quando ele dobrou o trabalho. < /p > < p > Quando cheguei, estava sentado no sofá assistindo TV, até o quarto sem dizer nada e, em seguida, quando sob nenhuma conversa sobre nada até depois do jantar, o assunto do dia anterior não falar qualquer coisa apenas como estávamos indo para fazer, mas na cama que eu não queria, que já estava prevista me tinha me mudado para outra sala, separada nem propor aos três anos que tinha comprado o apartamento e do início da crise tinha sido desvalorizado eo preç o foi bem abaixo o que restava pagar-nos, por isso, continuar a viver lá. < /p > < p > Eles passaram quase dois meses em que a conversa é certo, apenas as questões que tinham a ver com a casa em primeiro lugar, e como a tensão diminuiu gradualmente ao longo do tempo se nós mencionadas algumas novidades interessantes na TV ou algumas risadas com já se um filme fosse escapar. Até que um dia, depois do jantar, enquanto a 2 no sofá e eu me pergunto: < /p > < p > - Porque eu fiz que < /p > < p & gt ;? - Quanto tempo você me & lt brincando; /p > < p & gt ;? & Nbsp; - Porque você estava vestido como uma mulher < /p > < p > & Nbsp; < /p > < p > Houve um longo silêncio não sabia o que dizer até que eu me decidi e comecei a explicar que era uma fantasia erótica antes de eu conhecê-la e praticado com Carol, minha esposa, ela não sabia que sabia que era a minha noiva e me disse que tinha encontrado há poucos dias e falando decidimos repeti-la um dia, e tinha aproveitado que ela estava fora, que era uma mentira de um par de vezes por ano nós fizemos, eu expliquei que ela fez de amor e Eu era sua cadela submissa, que eu usava garota e ela me deu me ordena que a sugar o arnês ou me foder como uma prostituta, uma vez explicou novamente as perguntas. < /p > < p > - E que prazer que você vai encontrar uma garota que você terminar um pedaç o de plástico na bunda não entendo < /p > < p > - A curiosidade, para ver como uma mulher domina você, ela é a única com o comando < /p > < p & gt ;. - E se você gosta de ser uma puta submissa porque eu não fazê-lo com um homem mais lógico não < /p > < p & gt ;. - Porque os meus homens não gosto < /p > < p & gt ;. -e porque não me você nunca explicou. < /p > < p > - Eu não suponho que você tinha me levado para um louco < /p > < p & gt ;. A partir daqui ele começ ou a ensinar vários web, fóruns etc falar sobre estas questões, para que eu pudesse ver que havia muito mais pessoas como eu, a verdade é que alucinado vendo e lendo a história estranha sobre feminizaç ão, foram um casal ou três dias onde ele estava ensinando mais coisas depois de tudo isso a cada dia nós nos comunicamos um pouco mais, até que um mês depois, em uma tarde de sábado estávamos em casa assistindo TV disse. < /p > < p > "Eu deixei você ver girl < /p > < p > porque se não pode ser divertido < /p > < p > Eu aqui pensei a mesma coisa com o que eu tinha sido ensinado por internet havia entrado no curioso para experimentá-lo. ≪ /p > < p > Passamos a tarde toda preso no quarto, eu pentear meu cabelo, eu a maquiagem e eu provei todas as roupas que o pegou no armário, cada muda de roupa para mim fotos, até se chegar um momento ele disse que estava cansado e que Eu tinha um bom tempo, havia apenas esta tarde. < /p > < p > Eles passaram dois meses e nossa convivência limitou-se a estar na sala de jantar ea cozinha, em seguida, cada um à sua sala de família não tinha dito nada sobre a nossa situaç ão e se eles vieram ver-nos fez Paripe até que eles deixaram. ≪ /p > < P > Um dia eu disse que queria propor algo. ≪ /p > < p > Bem seu nome é Beatrice e Tony & nbsp; < /p > < p > - O que você propõe I < /p > < p & gt ;. - Eu quero fazer uma aposta com você < /p > < p & gt ;. - Uma aposta que < /p > < p & gt ;. - Quando as férias em agosto eu pretendo tomar um apartamento de 15 dias para ir 2, mas com uma condiç ão que você tem que ser de 15 dias a menina do vestido e fazer o que eu digo que, se você é capaz de suportar bem perdoá-lo, mas todos Ele permanecerá o mesmo. < /p > < p > Eu pensei em um bom momento. ≪ /p > < p > - Ele concordo, eu acho que você ganhou < /p > < p & gt ;. - Vamos ver < /p > < p & gt ;. Para mim, isso era uma fantasia que eu seria capaz de perceber menina vestido por muitos dias sem ter que esconder. ≪ /p > < p > - Que, se eu tenho que perguntar a minha licenç a eu vou fazer algumas mudanç as em seu corpo < /p > < p & gt ;. - Que tipo de mudanç as < /p > < p > Como você tem cabelo comprido Eu vou fazer um pequeno corte mais feminino não se preocupe que não haverá nada que você não pode consertar mais tarde, feminizare para aqueles dias que você todo sobrancelhas, cílios, unhas, depilaç ão, que eu já me barbear com excepç ão das armas tão bom agora que eu sei que você diz todoquieres ir para a frente. < /p > < p > Eu pensei em um bom tempo, mas desde o início eu sabia que eu ia dizer que se. ≪ /p > < p > . Sim, nós para a frente < /p > < p > Esse foi um mês ainda. ≪ /p > < p > E eu fico a última semana de dois dias eu fui fazer a barba todo, e no mesmo dia, tivemos de ir antes de eu retornar para o mesmo salão de beleza de remoç ão de cabelo que foi um domingo que foi fechada, mas sermos amigos nosso se hospedaram com minha esposa em que ele faria por favor, faç a-me o que ela pediu. Então, eu estava lá às 8 da manhã preparado para ser sobrancelhas feminizado.me fixos, cílios, unhas de gel que uma vez eu coloquei uma sensaç ão estranha de levar as coisas me deu a sensaç ão de que ele tomou um caminho mais feminino e cabelo, embora eu era loiro me colocá-lo mais justo ainda, eu cortaria um pouco desgastaram o meio das costas mais ou menos eles me fizeram a linha quase no meio e estrondos que me caiu para de lado quase cobrindo meu olho & nbsp; então eu já estou me vestindo Eu coloquei um conjunto de rendas lingerie branca com muito pequenas calcinha que eles preso na sua bunda, sutiã com os meus seios falsos e um vestido curto com flores Eu vim para o meio da coxa, sapatos de salto alto branco e brincos grandes, uma pérola pendurada. A verdade é que eles fizeram um bom trabalho como uma mulher de verdade. ≪ /p > < p > Uma vez terminado, fomos para comer e carregar sacos no carro para ir em uma viagem, eu custar se acostumar a andar com aqueles sapatos na rua como nada mais tinha feito isso uma vez e em quando. ≪ /p > < p > Voltando a casa me perguntar: < /p > < p > - Nós vamos ter que colocar um nome & nbsp; < /p > < p > - Não há necessidade de ter um Ingrid já < /p > < p & gt ;. Carol levou-me por um amigo de sua infância < /p > < p > Uma vez no apartamento verdade muito bonito com 2 quartos, um duplo e um de casal e uma piscina, nós nos sentamos no sofá assistindo TV e descansar depois de um jantar de pizza e mais tarde para o sono me fez colocar uma camisa de noite muito curta céu azul que não chegou a cobrir-me o jumento. < /p > < p > Na parte da manhã logo depois do café fomos por um tempo tomando sol na piscina me deu uma parte inferior do biquíni preto era Thong disse que eu coloquei o burro castanho mas a verdade era que ele queria que eu ficasse parte de volta para a forma de fio dental e um riso, realmente terminou com rabo vermelho e esse triângulo blanco.Después regado preparar a comida enquanto ela desfez o maletas.a sobre 16:00 disse: & lt ; /p > < P > - Bem, vamos ficar interessante para as crianç as < /p > < p & gt ;. Esse comentário me fez rir. ≪ /p > < p > No quarto, ele me deu um conjunto de tanga preta e devencaje sutiã, um vestido curto preto apertado eu tinha que ir puxando-o para baixo porque eu subi a andar e sapatos pretos, me sobre a composiç ão dela e desceu para a sala de jantar e uma vez lá Eu disse: < /p > < p > - Bom indo para comprar comida para os quatro < /p > < p & gt ;. - Quanto à comida para quatro, eu disse um pouco confuso e nervoso < /p > < p & gt ;. - Porque, para nós e os meninos < /p > < p & gt ;. - Gente, e mais nervoso < /p > < p > - Veja você se sente explicou Ingrid < /p > < p > Eu já estava muito nervoso. ≪ /p > < p > - O que diabos eu tenho que explicar < /p > < p & gt ;. - Esta noite virá Manolo meu colega de trabalho que, como você sabe que há algum tempo está atrás de mim desde que o apartamento é seu, no último empresa viagem que fizemos para Madrid para explicar como eu encontrei você e juntos temos preparei a minha vinganç a, desde aquele dia em Madrid que são empacotados, e vem com um amigo Ruben um cara que gosta de garotas como você, eu tentei protestar, mas ela dejaba- como eu e você como ser uma prostituta, ocasionalmente, esses 15 dias serão as prostitutas do 2 para que você saiba o que é um, mas realmente. < /p > < p > Gritando e eu respondi < /p > < p > Eu -Eu acho não ser a puta de ninguém, especialmente um homem como quevdame chaves do carro que eu estou indo para casa < /p > < p > - Como você quiser, mas nada além de sair pela porta, ele enviou as fotos que eu fiz-lhe os seus irmãos e amigos < /p > < p & gt ;. Foda afeto não fizer isso, eu vou fazer o que quiser, mas isso não acontece. ≪ /p > < p > - Não me chame de mel me chamar pelo meu nome, você vai fazer isso ou se você não sabe as conseqüências, eu vejo você humilhado nos braç os de um homem tanto ou mais do que eu senti naquele dia < /p > < p & gt. ; Passamos algum tempo a discutir, mas eu estava entre uma rocha e um lugar duro, especialmente não queria que meus pais e irmãos descobriram o que aconteceu e & nbsp; eles viram todas aquelas fotos. Assim, a coisa Fiquei esperando a frente que, quando o momento da verdade vai me apoiar explicou ainda. ≪ /p > < p > Olhe as coisas Ingrid trabalhar desta forma ou Ruben Manolo ou nós ou o meu tema é a dominaç ão e que você vai fazer tudo o que faç o, se eu começ ar com Manolo seu amando o que você faz com Ruben, se eu eu beijar você também, se você gosta do galo você também e se eu abrir minhas pernas ao mesmo ouvi-la chorando, você não sabe o prazer que você vai se sentir ao ver como os dois temos um pau ao mesmo tempo ou como estamos abertos 2 pernas com um pau grande em entre verdade e não de plástico ninguém vai me forç ar ou Ruben fazer, mas se você não enfrentar as conseqüências & # 039; para que você saiba ou-ou sua família saber tudo. < /p > < p > Na verdade, eu não tinha outra minha família como ninguém é tudo. ≪ /p > < p > Depois disso fomos para comprar, eu estava muito nervoso, a hora de voltar para o apartamento que logo chegou, naquela época eu queria me tornar invisível. ≪ /p > < p > - Vamos Ingrid já aqui nossos meninos < /p > < p & gt ;. Eu não queria sair da cozinha para que ela pegou minha mão e me puxou e nós estávamos à frente deles. ≪ /p > < p > Tio Manolo é o cara corajosa que tenta pular tudo o que leva saia, construir padrão 1.70 ou assim e Ruben me impressionou quando eu vi 1,80 ou menos um pouco muscular, moreno e bonito o suficiente. ≪ /p > < p > Minha esposa foi para Ruben me deu dois beijos e Manolo um beijo na boca, e, entretanto, não antes de 2 com cabeç a para baixo não querer olhar. ≪ /p > < p > Beatriz e, em seguida, virou-se para mim e me apresentou a Ruben. ≪ /p > < p > - Assista Ingrid Este é Ruben, Ruben Ingrid esta é a prostituta que eu falei < /p > < p & gt ;. Vermelho como um pimentão Eu estendi minha mão, mas ela me disse: < /p > < p > - Então você vai cumprimentar seu filho, & nbsp; < /p > < p > então eu entrar e eu dei-lhe dois beijos. < /p > < p > Eu -Eu acho que eu não ter saudado como Manolo isso, se você está começ ando a imcumplir padrões, alguns pensam que é necessário para enviar as imagens a ninguém. ≪ /p > < p > Com muito verg & uuml; constrangimento me aproximei e lhe deu um beijo na boca. ≪ /p > < p > O que eu não estava atrasado Eu abri minha boca, eu me senti totalmente humilhada e vestido antes do 3, uma vez que comemos nós nos sentamos no sofá quatro, a verdade foi que estávamos um pouco apertado, conversamos um tempo enquanto nós bebia alguns tiros de aguardente, depois de um tempo Beatriz levantou-se e coloque uma música e danç a, ele disse que porque não há duas canç ões soaram um pouco discoteca e apenas depois de danç ar colado tocou, eu vi Manolo pegou o Beatríz mão e abraç ou a danç a, eu ainda não sabia o que eu era muito verg & uuml; constrangimento que situaç ão e ela me fez um olhar que eu entendi imediatamente, então eu me aproximei dele e eu a abraç o pescoç o enquanto ela e Nós começ aram a danç ar naquele momento eu senti frágil, eu com 1,62 eu, corpo fino pedaç o com esse cara envolvendo os braç os. < /p > < p > Perto do fim da canç ão viu Beatrice começ ou a dar beijos no pescoç o Manolo, eu olhei para ela e vi como lentamente chegando à boca, mas não fazer nada até que eu vi a boca derreteu em um beijo <; /p > < & nbsp então me viu p > Ele olhou e veio em minha direç ão e disse: < /p > < p > - O que você está esperando & nbsp; < /p > < p > - Eu não posso foder & nbsp; < /p > < p > - Bem, você sabe o que você jogar como < /p > < p & gt ;. Ela continuou a danç ar e se divertir um pouco mais de tempo sem fazer nada, até que eu decidi fechar os olhos e comecei a dar beijos no pescoç o para que eu passei algum tempo, enquanto Ruben começ ou a acariciar suas costas, que eu era ralajando sem me atingir conta foi lanç ado em um amasso com, assim que nós éramos como dez minutos até que a música parou e fomos para sentar no sofá onde continuamos beijando enquanto ele tinha uma mão e tocar minha bunda, eu naquela época e eu Ele me empolguei e tinha assumido que não havia como voltar atrás, ocasionalmente, olhando para o outro casal para ver o que eles fizeram e logo viu que ele tirou a camisa e acariciou o peito, e sem pensar eu fiz o mesmo, mais tarde Eu toque no botão das calç as e viu quando ele tirou seu pênis e começ ou a se masturbar, que custam um pouco mais, mas eu fiz a tatear para mim por trás e que a situaç ão estava me fazendo quente e eu estava tendo uma ereç ão, o Eu assisti enquanto ela beijou lentamente pelo seu peito até que ele se abaixou e lentamente começ ou a chupar, enquanto eu ainda estava beijando e seu pênis na minha mão até que de repente para baixo sem pensar e começ ou a fazer um boquete, nenhum dia se eu estava indo bem até durar um longo tempo Ruben disse: < /p > < p > - Eu corro Eu não aguento mais & nbsp; < /p > < p > Eu fui pegar a boca e senti uma mão atrás da cabeç a empujandomela foi Beatríz enquanto me dizendo < /p > < p > - Eu nunca cadela < /p > < p & gt ;. Naquela época, eu recebi tudo na minha boca e eu não conseguia engolir tudo e eu vim para baixo do queixo. ≪ /p > < p > E de lá e fomos para a sala onde eu já não ficar em casa para abrir outra perna como uma boa puta e me foder. ≪ /p > < p > Assim eram os meus 15 dias há a chupar de várias maneiras e eu estava fodido todos os tipos de posiç ões. ≪ /p > < p > Já a caminho de casa Beatriz me disse que eu tinha se comportado como uma puta completa e Ruben não era amigo de Manolo que as fotos me fez o dia que ele me vestiu mulher em casa serviu para que colocar um anúncio na internet procurando por mim um homem para concordar com o que eles pediram e férias pagas. < /p > < p > A partir disso, faz quatro anos que eu ainda vivem Beatríz mas agora como amigos que ainda se dar bem melhor do que antes, Beatriz 6 meses que eu deixo com Manolo e eu não tive que usar sobre o homem e continuar com Ruben. ≪ /p & gt ; < P > Apesar de tudo o que pode não ser tão agradável aos meus pais que eu falei de novo e meus irmãos têm apenas relacionamento com a minha irmãzinha. ≪ /p > < p > Espero que goste. ≪ /p > < /br >

Avaliações

Só usuários podem votar 0 de Avaliações

Comentários 1

Sobre este conto

Visualizações 242
Avaliação 0 ( votos )
Comentários1
Favorito de0 Membros
Contador de palavras: 2889
Tempo estimado de leitura: 19 minutos

Afiliados